segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

O LADO B DO BBB

Análise de Nátsan Matias*  para Rádio IPB



No estilo do apresentador do BBB, lá vai meu comentário:

“O que nos faz chamar de heróis...”, quem nada fez de bom para nos salvar da mediocridade?

“O que nos faz ficar de olhos vidrados nas lentes...” da jaula humana que nada tem de utilidade?

“Ah! Que coisa espantosa ver...” como declinamos na cultura; que faz do ser humano apenas um objeto de observação.

“Ah! que coisa é essa que...” toma de assalto a capacidade de criticar o que é obviamente uma desinformação?

Pois não é que no lugar dos assuntos importantes do país, como a corrupção, o descaso com a saúde, a violência, a droga do crack que avassala famílias... Jornais nacionais, locais e até internacionais tratam o tal programa, como se fosse um assunto de segurança nacional, pela qual a humanidade deveria permanecer de vigília.

Como diz o apresentador mor em sua frase preferida... ”Eles entram na nossa casa como ilustres desconhecidos e depois de alguns capítulos ‘tá’ todo mundo...” achando que aquilo é tudo que o brasileiro pode almejar ser: meros corpos lutando, a todo custo, para ganhar o seu milhão.

A gente fica a favor do ficar, da enganação, do malandrão, da falsa amizade. A gente torce... Salva cada tipo de comportamento... A gente, na verdade, fica menos inteligente a cada nova edição.

“Psiu!!! Vai começar...” Pasmem a décima segunda edição.

“Psiu!!!” Desliga isso, vai ler a Bíblia, um livro edificante, um jornal com problemas reais para serem discutidos.

“Psiu!!!” Aperta o off da TV e vá viver, sem o BBB!


Rev. Natsan Matias é pastor presbiteriano e professor no Seminário Brasil Central, em Goiânia.


Fonte: IPB



Nenhum comentário:

Postar um comentário